domingo, 27 de dezembro de 2015

Propaganda curiosa de cigarros (1896)

Eis uma publicidade curiosa, de tempos menos politicamente corretos, publicada há exatos 119 anos no jornal Cidade de Lavras, edição 145, de 27 de dezembro de 1896.

Os moços de bom gosto e também algumas moças que quiserem fumar um bom cigarro do fumo caporal, vão à casa de Azarias José da Silva.

Vende cada pacotinho a 400 réis e que delícia cada fumaça que tiramos!?

Julgamo-nos transportar a um mundo especial, onde não há credores, nem sogras, cacetes que roubem o tempo dos redatores com pedidos de notícias a interesses próprios, e nem poetas que recitem produções que são os únicos a achar boas.

Fumaças dos cigarros maravilhosos. Cigarros que quem preza não pode deixar de ter constantemente entre os lábios.

Cigarros que vem cuidadosamente acondicionados em pacotinhos chics, que se fazem acompanhar de um retrato a pessoa que disso haja tornado.

Merecedores mais do que de cigarros são esses que perguntarão cigarros Itatiaia, que vendem em casa de Azarias J. da Silva.

São João Nepomuceno de Lavras, Minas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário