domingo, 1 de maio de 2011

Década de 1950: Os Anos de Ouro da Aviação Lavrense

Uma informação que talvez muitos lavrenses mais novos ignoram é que nossa cidade já teve vôos comerciais diários nos anos 50!

De acordo com um mapa de horários de decolagens disponível nos arquivos do Museu Bi Moreira, havia vôos matutinos e vespertinos para várias cidades de Minas Gerais, além de Rio de Janeiro e São Paulo. Segue a lista:

·    Belo Horizonte: 2.as, 3.as, 4.as, 6.as.
·    Rio de Janeiro: 2.as, 3.as, 4.as, 6.as.
·    São Paulo: Sábados.
·    Governador Valadares: 2.as, 4.as, 6.as.
·    Cambuquira: 2.as, 6.as.
·    Caxambu: 3.as, 4.as.
·    Patos: 4.as.
·    Montes Claros: 4.as.
·    Alfenas: Domingos.
·    Guaxupé: Domingos.
·    Passos: Domingos.

É pouco ou quer mais? Considerando que as vias terrestres de então eram precárias e que o desenvolvimento do sistema férreo nunca fora prioridade do governador (e depois presidente) Juscelino Kubitschek, a aviação era nos Anos Dourados o modo mais eficaz de transporte – e o mais chic. Além de permitir que lavrenses fizessem longas viagens em um relativamente curto espaço de tempo, o aeroporto também trazia visitas ilustres, como os principais times cariocas de futebol, que aqui jogavam amistosos com a Olímpica. Mas essa história fica para depois...   

:-:-:

Visite também:

Nenhum comentário:

Postar um comentário